Quando acaba uma obra e finalmente tudo parece pronto, você tem a sensação que acabou, não é? Não se engane! O final da obra na verdade é o início de uma nova fase, a de limpeza pós-obra.

Cada etapa da obra deixa um rastro de sujeira diferente pela casa, como respingos de tintas, colas, adesivos, rejuntes e argamassas no piso etc.

Para que você saiba o que é melhor fazer durante esse período tão trabalhoso, siga essas 5 dicas essenciais. Acompanhe!

1. Saiba por onde começar a limpeza

A limpeza só deve ser feita no final da obra, porque não adianta você limpar um cômodo e logo em seguida iniciar uma nova etapa da obra. E o tipo de limpeza a ser feito nesse momento é bem diferente da tradicional, por isso o profissional é muito importante nesse momento.

O ideal é começar a limpeza pelo fundo da casa e, se for apartamento, comece pelo cômodo mais longe da porta de saída, pois assim a sujeira será direcionada para fora. Além disso, deve começar do ponto mais alto para baixo, portanto comece limpando vidros, azulejos, paredes etc.

Retire primeiro a sujeira mais grossa. Além disso, antes de passar aspirador de pó ou lavar um cômodo, é bom varrer o local primeiro para retirar a sujeira mais pesada: ficará mais fácil para limpar!

Assim que terminar de limpar um cômodo, evite utilizá-lo novamente, assim você não deixa a sujeira voltar. A cozinha e lavanderia são os cômodos mais usados da casa, por exemplo? Então dê preferência para limpá-los por último para evitar retrabalho.

2. Use produtos específicos para limpeza pós obra

Durante a obra, muitos materiais como tintas, argamassa, rejuntes, entre outros, podem ficar impregnados nos pisos, vidros, pias etc.

Para a remoção dessa sujeira, não é aconselhável o uso de produtos de limpeza comum como água sanitária e outros do tipo. Isso porque esses produtos não são adequados para esse tipo de limpeza e podem manchar o revestimento, ok?

Para a correta remoção de resíduos pós-obra, o ideal é a utilização de produtos específicos para isso. Existem no mercado produtos ideais para cada tipo de sujeira. Já para a limpeza de revestimentos, o ideal é usar os limpadores multipisos, isso porque esses produtos são indicados para a remoção de argamassa colante, rejuntes e até graxas e óleos.

3. Utilize aparelhos de proteção

Como alguns produtos químicos para a remoção de sujeira são tóxicos, é muito importante a utilização de equipamentos de proteção como luvas, máscaras de proteção, óculos, sapatos de borracha etc.

Por isso, o ideal é sempre ler as instruções de utilização do produto que estão na embalagem e seguir à risca as recomendações do fabricante.

4. Utilize equipamentos de limpeza

Alguns equipamentos podem ser de grande ajuda nesse processo tão cansativo de limpeza, são eles:

  • escada, para limpar tetos, vidros e paredes;
  • aspirador de pó;
  • lavadora de alta pressão, pois dependendo da obra, esse equipamento pode ajudar muito na limpeza de sujeiras mais pesadas.

5. Impermeabilize superfícies porosas

Um cuidado especial que você deve ter com o seu revestimento e entregar o melhor para seu cliente, é fazer a aplicação de selador sobre rejuntes ou até mesmo sobre peças de cerâmicas, desde que não sejam esmaltadas.

O selador forma uma película protetora que impede a entrada de água, além de proteger contra manchas que podem surgir devido à umidade, gordura e fungos.

Fique atento sempre à qualidade dos produtos utilizados no pós obra. A Portokoll possui uma linha de produtos o CleanMax Limpador Multipisos e o CleanMax Selador que são ideais para esse tipo de serviço.

Gostou das nossas dicas para a limpeza pós obra? Entre em contato com a Portokoll e conheça toda a nossa linha de produtos.


Os comentários estão fechados.