O piso é formado por várias camadas e, cada uma, com um objetivo específico. As principais camadas do piso são: estrutura ou base de concreto, contrapiso e camada de acabamento.

O contrapiso ajuda a corrigir imperfeições da base, além de preparar o piso para receber o acabamento. Portanto, para evitar prejuízo e retrabalho, ele deve ser feito corretamente.

Para garantir a entrega de um trabalho perfeito, veremos, a seguir, como fazer contrapiso. Confira nossas dicas!

1. Entenda o que é contrapiso

É uma camada de argamassa, geralmente de 2 a 5 cm de espessura, assentada entre a base (lastro) de estrutura ou base de concreto e o revestimento.

Ao ser feito diretamente sobre o solo, utiliza-se uma base com concreto magro, ou seja, um concreto que tem baixa resistência. Entretanto, caso seja necessária uma estrutura mais resistente, como para construção de laje, adiciona-se malha de aço.

2. Conheça as principais funções do contrapiso

Nivelamento

O nivelamento é fundamental para a qualidade final do piso, visto que, garantirá uma perfeita colocação do revestimento.

Caída d’água

Nos ambientes úmidos da casa (banheiros, cozinha, quintal), é necessário fazer uma leve inclinação no piso para o correto escoamento da água. Afinal, ninguém quer poças de água pela casa!

3. Saiba do que você precisará

Para fazer o contrapiso, você precisará de:

  • linha de nylon;
  • colher de pedreiro;
  • régua de alumínio;
  • nível;
  • taliscas;
  • enxada;
  • soquete de madeira;
  • desempenadeira de madeira ou de aço;
  • argamassa para contrapiso;
  • cimento;
  • água.

4. Saiba como fazer contrapiso

O contrapiso pode ser feito com cimento e areia (na proporção de 1:4) ou com argamassa industrializada. A argamassa industrializada de contrapiso já vem preparada para usar, basta apenas adicionar água, sendo assim, agilizando o seu trabalho.

Com a base limpa, faça a transferência de nível, que pode ser feita com um nível alemão, mangueira de nível ou o tipo que estiver em uso na obra. Para que o trabalho fique perfeito, siga estas etapas:

Fixe as taliscas na base

Taliscas são pequenos tacos que podem ser de madeira ou cerâmica. Fixe-as primeiro nos cantos e verifique o seu nivelamento. São elas que servirão de guia para a execução do contrapiso.

O próximo passo é fixar taliscas intermediárias. Fique atento, pois a distância entre elas deve ficar entre 1,50 a 2 m.

Execute as mestras

Mestras são faixas de argamassa que servem de guia para o assentamento nivelado do contrapiso.

Polvilhe cimento sobre a área onde será feita a mestra, em seguida, borrife um pouco de água para que se forme uma nata, esse procedimento é necessário para evitar que a argamassa se solte do piso.

Nesta fase, preencha com argamassa uma faixa entre uma talisca e outra, de modo que a peça seja encoberta. Utilize uma enxada para espalhar a mistura, logo após, use o soquete de madeira para compactar a argamassa.

Nivele a superfície

Com a régua de alumínio, sarrafeie a superfície para retirar o excesso de argamassa. A faixa deve ficar no nível das taliscas. Neste momento, retire as taliscas e cubra o buraco com argamassa, não se esqueça de fazer o nivelamento.

Aplique argamassa entre as mestras

Espalhe argamassa entre uma mestra e outra, pressione com a enxada e compacte-a com o soquete de madeira. Em seguida, utilizando a régua, sarrafeie a superfície até que ela fique nivelada.

Dê o acabamento

Nesta fase, é necessária a utilização da desempenadeira de madeira ou de aço, essa escolha depende do tipo de acabamento pretendido. A desempenadeira de madeira proporciona um acabamento áspero. Por isso, é indicada para o assentamento de revestimentos do tipo cerâmicos, porcelanatos e pedras naturais.

Já a desempenadeira de aço, proporciona um acabamento liso e é indicada para o assentamento de revestimentos que serão colados no contrapiso, como pisos vínicos por exemplo.

Além disso, para proporcionar um melhor acabamento e uma maior resistência, pode-se utilizar o acabamento queimado. 

Deve-se esperar o período de 14 dias para a cura do contrapiso, somente após esse tempo o revestimento poderá ser instalado.

Agora que você já sabe como fazer contrapiso, que tal planejar o acabamento? Pensando nisso, fizemos um artigo especial sobre os tipos de porcelanato que você não pode deixar de ler!


Os comentários estão fechados.